segunda-feira, 5 de setembro de 2016

(Resumido) O Porquê do Novo Acordo Ortográfico

Fotografia: Kyle Thompson


Segundo o Senado Federal, o português ocupa a quinta posição no ranking das línguas mais faladas no mundo. São, em média, 240 milhões de falantes nativos, dos quais 190 milhões são brasileiros, 17,5 milhões são angolanos, 20, 5 milhões são moçambicanos, 10 milhões são portugueses e o restante é divido entre países como Guiné-Bissau (1,4 milhões), Timor Leste (1,1 milhões), Cabo Verde (435 mil), São Tomé e Príncipe (157 mil) e pequenas regiões como Macau, na China.

O intuito da criação do novo acordo ortográfico, assinado em Lisboa, em 1990, é de padronizar a ortografia dos países de língua portuguesa a fim de ingressá-la na lista dos idiomas oficiais utilizados na ONU. Uma vez unificada, os países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) teriam mais facilidade em intercâmbio cultural, jurídico-institucional e comercial.

O novo acordo ortográfico entrou em vigor no dia 1º de janeiro de 2009. Ele tem o prazo de 7 anos para ser adotado, o que significa que a partir do dia 1ºde janeiro de 2016 as atualizações e adaptações precisam estar em dia.

Como eu sou muito bacana, eu vou indicar um curso que o Senado Federal está fornecendo sobre o novo acordo ortográfico. E o melhor: no fim do curso, você ainda recebe um certificado de 20 horas. Eu não sei até quando ele estará disponível, então, vamos aproveitar. O curso é todo online, dividido em dois módulos e a plataforma é muito simples. Caso você tenha interesse, é só clicar aqui.

Minhas Redes Sociais: 

2 comentários

  1. Nossa, que bacana e esclarecedor, adorei o post e saber um pouquinho mais sobre essa mudança.
    Ah, adorei seu blog também!

    http://www.entreeles.com/

    ResponderExcluir
  2. Adorei esse blog,ele é rico em conhecimentos culturais.De uma linguagem rica e exclarecedora.

    ResponderExcluir